Novo Prisma 2015 - Preço, Opiniões, Concorrentes

Um das grandes propostas no segmento dos sedans que a Gm fez no Brasil foi renovada e já está com nova edição, estamos falando do Novo Prisma 2015. O carro passou por algumas melhorias para encarar grandes concorrentes e ficou um pouco mais caro.

Entre as mudanças vemos alguns itens interessantes logo na versão de entrada LT, como por exemplo o ar condicionado. Já na top de linha LTZ a Chevrolet resolver deixar o carro com cara de premium trazendo um volante com controles multifuncionais.


Como acontece com os outros fabricantes a Gm dá ao cliente a opção de alguns pacote e itens para conforto e entretenimento, como por exemplo a inclusão do sistema de navegação Mylink, que não sai de graça, custando R$ 1.400,00.

Novo Prisma 2015 preço fotos



Novo Prisma 2015 Preço


É claro que você está interessado em saber quanto custa este modelo, o preço do Prisma 2015 parte dos R$ 41.290 na versão de entrada LT, vindo com motor 1.0. Logo em seguida temos a LT com motor 1.4 que custa R$ 45.890.

Na linha top temos a LTZ com câmbio manual e motor 1.4 custando R$ 51.190 e a mais cara LTZ automatica o preço pode chegar a R$ 54.740.

Seus principais concorrentes nesta faixa de preço, dentro do segmento de sedans médios devem ser: Fiat Siena, Volkswagen Voyage e o Hyundai Hb20S. É claro que cada um destes modelos tem suas vantagens e desvantagens, mas o modelo da Chevrolet tem o seu lugar.

Novo Chevrolet Prisma 2015 sedan

Novo Prisma 2015 Opinião, Avaliação


Realmente esta mais difícil a cada dia escolher um modelo de carro com tantas opções no mercado, mas se levarmos em conta o preço de tabela, talvez ajude na escolha final.

Na minha opinião pessoal, não acredito que o Prisma seja um dos melhores do segmento, pois acredito que vale mais a pena comprar um Grand Siena ou um Voyage que são carros mais comerciais para venda futura.

E você, tem vontade de comprar um sedan e também está na dúvida ? Deixe um comentário no final deste artigo e vamos conversar mais para chegarmos a um consenso final.



Nenhum comentário:

Postar um comentário